As emocionantes aventuras de um sysadmin linux na procura pelo uptime perfeito!

Programando Androids – Parte 1

Posted: maio 5th, 2009 | Author: coredump | Filed under: Programação | Tags: ,

android_t1Nos últimos dias eu vendi meu HTC Tytn II e troquei por um T-Mobile G1 rodando Android. Tenho de dizer que de todos os sistemas operacionais para telefones que eu já usei, o Android é o que mais me deixou satisfeito. Ainda faltam uns cantos para serem lapidados, mas de saída ele já é bem melhor que Symbian e Windows Mobile.

De quebra, eu resolvi baixar o SDK do Android para dar uma olhada e acabei programando um bocadinho e pegando gosto pela coisa. Mesmo sendo Java. Eu tenho (tinha?) uma certa ojeriza de Java mas como a unica opção para o Android era essa, fazer o quê né. Resolvi escrever esses posts porque a medida que eu for entendendo e descobrindo novas coisas eu acabo revisando o conhecimento.

Tipos de aplicações Android:

Quando você faz uma aplicação Android, ela pode ser formada de Activities, Content Providers, Intents ou Services. Se não me engano, você pode inclusive ter vários destes em uma única aplicação.

Activities (Atividades) são basicamente janelas ou coisas visíveis do seu programa. Um diálogo, uma janela mostrando dados ou widgets para entrada de dados, etc.. Tudo isso são Activities.

Content Providers (Provedores de Conteúdo) são ‘ganchos’ que você cria em seu programa para disponibilizar informações para outros programas. O Android tem um conceito bem compartimentado, cada aplicação tem seu próprio processo, espaço em disco e memória, os Content Providers fornecem uma forma de disponibilizar informações de seus programas para outros.

Intents (Intento ou Intenção) são a versão Android de mensagens entre processos e eventos. Basicamente um Intent é um ‘sinal’ que é enviado DA sua aplicação ou PARA a sua aplicação. Por exemplo, quando uma mensagem SMS chega, um Intent é disparado para avisar a todas aplicações dessa mensagem, sua aplicação por exemplo pode observar esse Intent e fazer algo para responder ao mesmo. Da mesma forma, você pode criar um Intent na sua aplicação que será enviado ao sistema (e a alguma aplicação que esteja esperando por ele).

Services (Serviços) são os programas que ficam ‘na memória’ e não tem uma janela ou diálogo. Como os daemons do linux/unix. Serve para repetir aquelas tarefas que tem de acontecer mesmo com o programa não estando ativo, como checar emails, continuar tocando música depois de fechar a tela do player propriamente dida.

Para todos estes tipos de aplicações, estão disponíveis todos os recursos do Android: Armazenamento (na memória interna ou no cartão SD), Rede, Multimídia (câmeras, decodificadores de vídeo e áudio via hardware), GPS e serviços telefônicos como envio de SMS e chamadas.

Em tempo: os posts seguem a mesma estrutura do livro “The Busy Coder’s Guide to Android Development“. Ótimo livro para iniciantes. O serviço de assinatura dele é legal, você paga 35 dólares e por um ano tem acesso aos PDF’s de todos os livros e atualizações.

Compartilhe:
  • Digg
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Slashdot
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • TwitThis
  • Identi.ca
  • Twitter

Posts relacionados:

  1. Programando Androids – Parte 2 Ferramentas do SDK: Uma das coisas que eu realmente gostei...
  2. Programando Androids – Parte 3 Continuando com meus posts sobre programação Android, mesmo desanimado pelo...
  3. Programando Androids – Parte 4 Na parte 3 falei sobre o gerenciamento de memória. Também...
  4. Lanterna: mais uma lanterna para telefones Android! English version below. Como eu disse neste post eu comecei...

4 Comments »

4 Comments on “Programando Androids – Parte 1”

  1. 1 Daniel Sobral said at 14:42 on maio 5th, 2009:

    Deveria ter usado Scala, feito eu falei… :-)

  2. 2 Lanterna: mais uma lanterna para telefones Android! | the brain is a machine said at 10:36 on maio 12th, 2009:

    [...] eu disse neste post eu comecei a fazer algum progresso em programação para o sistema operacional móvel Android. Como [...]

  3. 3 Pedro said at 22:41 on maio 20th, 2009:

    muito legal o post, atualmente eu to me dedicando bastante ao android. Participo do fórum de discussão Portal Android ( http://www.portalandroid.org ), muito bom!!! to aprendendo muita coisa lá! Suas publicações referentes ao Android fariam sucesso nesse fórum =D

    muito bom seu post, abraço!

  4. 4 madoka said at 13:05 on junho 6th, 2009:

    Muito obrigado pelo pos..sou iniciante e gostei muito do artigo…vou pesquisar mais um pouco para me aprofundar…
    Thks pelo incentivo…^_^


Leave a Reply